ESTE BLOG POSSUI CONTEÚDOS ACADÊMICOS RELACIONADOS AO CURSO DE GEOGRAFIA (LICENCIATURA) E, CONTEÚDOS DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA. OBRIGADO PELA VISITA.

COLABORE COM O DESENVOLVIMENTO DESTE BLOG, PARA MAIS ESTUDOS E INFORMAÇÕES IMPORTANTES. MANDE SUA COLABORAÇÃO PARA BANCO DO BRASIL AGENCIA 3744-3 CONTA 9.422-6 MISSAL / PARANÁ.

INTERESSE EM PATROCINAR ESTE BLOG ENTRE EM CONTATO PELO E-MAIL anderson_josebender@hotmail.com

Quem sou eu

Minha foto
Sou simples, honesto, sincero, dedicado, carinhoso, compreensível e de muita fé em DEUS. Sou católico, Professor formado em Educação Infantil, pelo curso de formação de docentes do C.E.P.E.M (Colégio Estadual Padre Eduardo Michelis) de Missal - PR, formado em Geografia (licenciatura) pela UNIGUAÇU – FAESI, e cursando atualmente Pós - Graduação em Educação Especial e Inclusiva.

Pesquisar no blog

Origem das Visitas

terça-feira, 15 de março de 2011

Questões sobre rochas


1.      Quais são as diferenças entre rochas ígneas extrusivas e intrusivas?
As rochas ígneas intrusivas cristalizam-se quando o magma intrude em uma massa de rocha não-fundida em profundidade na crosta terrestre. São reconhecidas por seus cristais grandes inter-crescidos que se desenvolve lentamente Ex: Granito. Já as rochas ígneas extrusivas formam-se pelo rápido resfriamento do magma que chega a superfície, são reconhecidas pelas texturas vítreas ou de granulação fina Ex: Basalto. Ou seja, a principal diferença entre as duas rochas está na parte do resfriamento.

2.      Dos três grupos de rochas, quais se formam na superfície terrestre e quais se formam no interior da crosta?

No interior da crosta encontramos as rochas ígneas que são formadas pela cristalização do magma em profundidade da crosta e manto superior. Mais profundamente formadas por altas temperaturas e pressões das profundezas principalmente onde as placas da terra se colidem encontramos as rochas metamórficas que atuam em qualquer tipo de rocha ígnea Ex: Xisto azul. No entanto encontramos rochas na superfície as quais denominamos de sedimentares, são como, camadas de partículas soltas, como areia, silte e conchas de organismos formam-se a medida que as rochas  vão sendo alteradas e crodidas.

3.      Onde você pode ver uma rocha nos continentes?

Encontramos as rochas dispostas segundo os padrões determinados pela história, as rochas não são encontradas na natureza aqui e ali. Mas devido aos movimentos desencadeados pelo seu material de origem (magma) elas são "bagunçadas" de suas devidas posições, se fizéssemos uma perfuração encontraríamos nos primeiros quilômetros apenas rochas sedimentares, mais a fundo cerca de 6 a 10 Km penetraríamos em uma área de rochas ígneas e metamórficas.


Conclusão


 

Conclui que as rochas no estado do Paraná são divididas em regiões em forma de faixas, sendo que a maior parte das rochas são ígneas seguidas das sedimentares e posteriormente das metamórficas. Conclui ainda que a região oeste do Paraná e constituída praticamente de basalto, ou seja, rocha ígnea eruptiva de grão fino e cor escura e o restante das rochas são de outras regiões como sul, norte e litoral, de grande valor comercial em nossa região.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marcadores